AMMA ensina Educação no Trânsito de forma lúdica

O mês de Setembro é marcado pelo Dia Nacional do Trânsito, reservado para realizarmos diversas atividades que ensinam regras, direitos e deveres para o trânsito, como forma de promovermos mudanças sociais que previnem acidentes.  

Para abrir as atividades, recebemos o cabo PM Mancin, em um momento de conversa sobre “Educação no Trânsito”. Os assistidos tiveram oportunidade de aprender conceitos básicos, como o uso do cinto de segurança, travessia segura para pedestres, condutas para ciclistas, leis e deveres no trânsito, com abordagem e material didático que promoveu interação com os assistidos.

No dia 22 de Setembro, realizamos em nossa Sede a apresentação “Quem é o melhor no trânsito?” espetáculo educativo com o objetivo de conscientizar e sensibilizar, crianças e adolescentes a se tornarem agentes de transformação na comunidade, colocando de forma divertida, principais regras de trânsito a serem respeitadas, como respeitar os semáforos e sinalizações, esperar os carros passarem para atravessar, atravessar as passarelas e usar cinto de segurança. A apresentação foi disponibilizada a Rede Municipal de Ensino. Na ocasião recebemos 350 crianças da rede municipal de ensino, atingindo um total de 750 pessoas com o trabalho.

Para evidenciarmos ainda mais a importância da temática, no dia 25, a nossa educadora realizou contação de história “Educação no trânsito” tornando o aprendizado prazeroso e envolvente, estimulando a criatividade e absorção do tema.  Na ocasião recebemos famílias e comunidade e ainda utilizamos de material audiovisual, história gravada em nosso estúdio para maior expansão no alcance do público.  

Na oficina de cidadania e tecnologia social foram exploradas as revistas em quadrinhos “Zé Quest” recebidas pela Arteris, onde os assistidos foram oportunizados a compartilharem o conhecimento através das rodas de convivência.

Voltando olhar para o coletivo, foram trabalhadas a pesquisas direcionadas, gerando consciência sobre valores como respeito, cordialidade, empatia e senso de responsabilidade, exercitando hábitos e atitudes a partir da formação da criança para se tornarem responsáveis pela sua própria sobrevivência, que respeitem aos demais e as normas sociais.

A oficina de musicalização ficou responsável em desenvolver a sensibilidade das crianças, através da música “As cores do trânsito – (semáforo)” de Marcelo Serralva, onde foi possível trabalhar o senso rítmico, o prazer em aprender, imaginação e memória.

A oficina de dança, ficou responsável pelo desenvolvimento da consciência corporal e de movimentos, utilizando a música “O Trânsito” de Elias Beck, onde todos fizeram a coreografia.

A oficina de informática foi responsável por explorar os jogos no computador e atividades disponibilizadas no Portal do Projeto Escola – Arteris, onde os materiais exercitam hábitos e atitudes a partir das normas cidadãs, onde assumem papéis de pedestres, condutores ou passageiros.

Os materiais disponibilizados no portal do Projeto Escola – Arteris, foram muito bem explorados por todas às oficinas, que complementaram com recursos diferenciados, como foi o caso da culinária e esporte.

Utilizamos a comunicação visual para alcançar às famílias e comunidade à distância,onde conteúdos foram disponibilizados em grupos de Whatzapp, no total 450 estão adicionadas nos grupos.

Contamos com o apoio da Arteris, através de projetos incentivados.